Portal da Cidade Mogi Mirim

SEM DAR TRÉGUA

Ladrões de tratores estão agindo na zona rural de Mogi Mirim

Na madrugada desta segunda-feira (19), a quadrilha levou quatro tratores de um sítio na região da Fazenda Mata da Chuva

Postado em 19/10/2020 às 11:30 |

Não bastasse o aumento da violência urbana na cidade, os roubos e furtos de tratores também continuam aumentando na zona rural de Mogi Mirim. Na madrugada desta segunda-feira (19), ladrões levaram quatro tratores - sendo um da marca Massey Ferguson e três da marca na marca John Deere - de um sítio localizado em uma estrada de terra na região da fazenda Mata da Chuva.

Essa região rural de Mogi Mirim é acessada pela vicinal “Amador Jorge da Siqueira Franco”, também conhecida como Estrada da Cloroetil, ou pela estrada do Morro Vermelho, que dá acesso a Conchal. De acordo com as primeiras informações, o proprietário de um sítio chegou para trabalhar, por volta das 5h00, quando constatou o furto dos equipamentos.

Além dos tratores, os ladrões também levaram outros implementos agrícolas que estavam acoplados aos tratores. A GCM (Guarda Civil Municipal) e a Polícia Militar foram acionadas e compareceram ao local. Pelas marcas, a quadrilha chegou pelo pomar de laranja existente na propriedade. Até agora, não há pistas dos ladrões e nem dos três tratores.

No último dia 8, uma quadrilha invadiu uma propriedade rural localizada próximo ao CR (Centro de Ressocialização), às margens da SP-191 (Mogi Mirim/Conchal). Sete homens, fortemente armado, renderam o agricultor de 66 anos que ficou quase 12 horas como refém dos bandidos.

MESMA REGIÃO

O roubo aconteceu por volta das 19h00 e na ocasião, um trator Massey Ferguson vermelho e uma roçadeira costal Still foram levados. Nesse caso, o agricultor possuía seguro. Já no dia 10 de setembro, outro sitiante, de 61 anos e morador da mesma região da SP-191, também foi vítima de ladrões.

Ele teve um Massey Ferguson vermelho, 1990, e um Valtra BM-100 roubados. O prejuízo foi de mais de R$ 150 mil. De acordo com a vítima, a quadrilha usou até uma plataforma para carregar os tratores.

Por agirem em estradas ou vicinais que dão acesso à cidade de Conchal, a polícia desconfia de que a quadrilha possa ser desse município. As investigações estão sendo feitas pelo SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil de Mogi Mirim, mas até o momento, ninguém foi preso e nenhum equipamento foi recuperado. .


Fonte:

Receba as notícias de Mogi Mirim no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário